Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Estrela Poesia

A vida se faz caminhando,cada dia cada hora é único,mas sempre de mão dada com o amor

Estrela Poesia

A vida se faz caminhando,cada dia cada hora é único,mas sempre de mão dada com o amor

Tempo.

O tempo passa como a noite em seu caminhar
mas sempre temos uma estrela para contar.
Pode estar escondida, num sonho,desejo.
mas a alegria é constante sempre que a vejo
A nossa estrela lá permanece como o sentimento,
um suspiro,pode ser um lamento,ou um pedaço escondido
É como navegar ao encontro da paz,felicidade.
ou um profundo silêncio quando contamos
estrelas.



Lisa

 

Foto daqui:http://laurinhandoporai.blogspot.pt

Vida

A vida da gente mais parece uma colcha de retalhos.
Ou um livro feito de páginas da vida,
onde escrevemos as dores, os momentos felizes
as pedras que desviamos, e todos os dissabores
que se cruzam a cada dia.
Olhar em frente é solução, sentir o fim de tarde de um Outono que mais parece verão.
Não me sinto mal com a minha inquietude, sinto sim o
compasso das horas, os segundos e minutos que para mim são
anos. São momentos plenos de amor e amizade que ficam na alma
que jamais esquecemos.

 

Lisa






Lugar

Cada lugar tem um dom,na serra sentimos o cheiro do pinheiro e eucalipto,a ventania que sopra.

No campo o cheiro das flores,do rosmanhinho,o cantar do galo,ver os animais a sair para o campo.

No mar sentimos a maresia no rosto,o cheiro as algas,a rebentação das vagas,e vê-lo desmaiar

na areia da praia,sacudindo os bivaldes que dão a costa,a faina da pesca.

Mesmo em tempo outunal sinto prazer de caminhar pela manhã,ao encontro desta serenidade.

Lisa




A Festa do Silêncio

Escuto na palavra a festa do silêncio.

Tudo está no seu sítio.

As aparências apagaram-se.

As coisas vacilam tão próximas de si mesmas.

Concentram-se, dilatam-se as ondas silenciosas.

É o vazio ou o cimo? É um pomar de espuma.

Uma criança brinca nas dunas,

o tempo acaricia, o ar prolonga.

A brancura é o caminho.

Surpresa e não surpresa:

a simples respiração.

Relações, variações, nada mais.

Nada se cria. Vamos e vimos.

Algo inunda, incendeia, recomeça.

Nada é inacessível no silêncio ou no poema.

É aqui a abóbada transparente, o vento principia.

No centro do dia há uma fonte de água clara.

Se digo árvore a árvore em mim respira.

Vivo na delícia nua da inocência aberta.

 

António Ramos Rosa, in "Volante Verde"



O Beijo

Hoje dizem ser o dia do beijo e como tal um blog onde se fala poesia e palavras de amor nada melhor que este pequeno poema do mestre 

Drummond de Andrade.

 

 

"O beijo é flor no canteiro ou desejo na boca?

Tanto beijo nascendo e colhido na calma do jardim nenhum beijo beijado (como beijar o beijo?) 

na boca das meninas e é lá que eles estão suspensos invisíveis."

Carlos Drummond de Andrade
O famoso beijo que todos nós gostamos ao chegar a casa,na rua e sempre onde ele possa apetecer
,eu sou bastante beijoqueira
 

Pensamento

"O amor é a ocasião única de amadurecer, de tomar forma, 
de nos tornarmos um mundo para o ser amado. É uma alta exigência, 
uma ambição sem limites, 
que faz daquele que ama um eleito solicitado pelos mais vastos horizontes."

Rainer Maria Rilke


Horas Rubras

Horas profundas, lentas e caladas
Feitas de beijos rubros e ardentes,
De noites de volúpia, noites quentes
Onde há risos de virgens desmaiadas...

Oiço olaias em flor às gargalhadas...
Tombam astros em fogo, astros dementes,
E do luar os beijos languescentes
São pedaços de prata p'las estradas...

Os meus lábios são brancos como lagos...
Os meus braços são leves como afagos,
Vestiu-os o luar de sedas puras...

Sou chama e neve e branca e mist'riosa...
E sou, talvez, na noite voluptuosa,
Ó meu Poeta, o beijo que procuras!

 

Florbela Espanca

 

 

Frase

Antes, a questão era descobrir se a vida precisava de ter algum significado para ser vivida. Agora, ao contrário, ficou evidente que ela será vivida melhor se não tiver significado.


Albert Camus